Fechar
Home Esportes Associado da capital vence 8º Torneio Estadual de Poker da Afresp

Associado da capital vence 8º Torneio Estadual de Poker da Afresp

5 de outubro de 2015 Esportes

Associado da capital vence 8º Torneio Estadual de Poker da Afresp

[datar]

Depois de quase 12 horas de disputa entre 57 participantes, sendo que as rodadas da mesa final duraram três horas, o AFR Claudio Pinto de Carvalho, da capital, foi o campeão do 8º Torneio Estadual de Poker da Afresp, que aconteceu no dia 3 de outubro, no saguão da sede.

O torneio já é tradicional na Afresp, e sempre reúne associados e familiares em um clima de descontração. Foram premiados os dez primeiros colocados, com a distribuição de toda a arrecadação, incluindo buy-ins e rebuys.

Para chegar à mesa final, os jogadores atribuem à paciência um dos segredos do sucesso. O 5º colocado, André Ribeiro de Araújo, de São Paulo, joga poker há um ano e deu algumas pistas sobre como ser bem-sucedido nas partidas. “Sou bem agressivo jogando, mas ando trabalhando a paciência para ir mais longe”.

O 4º colocado, Rodrigo Cézar Afonso Paschoal, de Sorocaba, já tem um perfil diferente. “No jogo, sou mais conservador”. Daniel Cavalcante de Mello Santos, de São Paulo, que ficou em 3º, joga poker há quatro anos e revela outro fator importante. “É ter sorte também”.

O vice-campeão, Walter Alberto Martins, contou que só joga eventualmente. “Não tem segredo: é esperar a carta certa”. O campeão Claudio disse que este foi seu primeiro torneio de poker. “O segredo? Paciência, paciência e paciência”.

Anote na agenda: o 9º Torneio Estadual de Poker Afresp acontecerá em maio de 2016. Para quem já quer ir praticando até lá, procure seu diretor Regional para participar dos torneios regionais (ou até mesmo criar um com os colegas) e, para quem mora em São Paulo, participe do Ranking Hold’em na Capital.

Veja abaixo a classificação dos dez primeiros colocados, e mais fotos do evento na página da Afresp Eventos no Facebook.

1º – Claudio Pinto de Carvalho, aposentado de São Paulo
2º – Walter Alberto Martins, aposentado de São Paulo
3º – Daniel Cavalcante de Mello Santos, da DRTC-III – São Paulo
4º – Rodrigo Cezar Affonso Paschoal, da DRT-4 – Sorocaba
5º – André Ribeiro de Araújo, do Predião – São Paulo
6º – Peter de Oliveira, da DRT-6 – Ribeirão Preto
7º – Alceu Alarcon Garcia, aposentado de São Paulo
8º – Gladimir Dutra, da DRT-5 – Campinas
9º – Paulo Roberto Schneider, da DRT-4 – Sorocaba
10º – Marcos Dell’Antonio de Souza, do Predião – São Paulo