Fechar
Home Conselho Deliberativo Conselho Deliberativo discute perspectivas de expansão da Amafresp

Conselho Deliberativo discute perspectivas de expansão da Amafresp

2 de fevereiro de 2019 Conselho Deliberativo

Neste sábado (2), os membros do Conselho Deliberativo da Afresp estiveram reunidos para a primeira reunião do ano, na sede da Associação, em São Paulo. Participaram 18 conselheiros titulares e 05 suplentes – três destes com direito a voto. A duração da Reunião Ordinária foi de 4 horas e meia.

Inicialmente, a ata da Reunião Ordinária de 24 de novembro foi aprovada por maioria de votos, tendo três abstenções. Os principais temas debatidos foram: perspectivas de expansão da Amafresp e assuntos relacionados à classe.

O diretor da Amafresp, Renato Chan, apresentou os últimos estudos acerca da viabilidade de expansão do número de vidas da Amafresp, plano de autogestão da Afresp com mais de 50 anos da existência e cerca de 20 mil filiados. A análise foi realizada com o apoio de uma consultoria jurídica.

Participaram da Reunião Ordinária: 18 conselheiros titulares e 05 suplentes

O presidente do Conselho, Luiz Carlos Toloi Jr., reiterou que o pedido de apresentação dos estudos ao C.D. foi elaborado e enviado via ofício em nome da Diretoria Executiva e da Amafresp.

De acordo com Renato Chan, o objetivo não é apenas apresentar os números que comprovam a sustentabilidade da Amafresp, mas também oferecer alternativas ajustadas ao cenário por que passa a classe, adequando esta nova realidade a possibilidades de formatação de um novo produto extensível a outras carreiras públicas.

A reunião também contou com a presença do presidente da Afresp, Rodrigo Spada, e do Sinafresp, Alfredo Maranca, acompanhado do presidente do Sindaf, Helio Freire. Os representantes esclareceram as ações e o posicionamento das respectivas entidades sobre o momento crítico no qual vive a classe.

O representante do escritório de advocacia FA Consultoria & Gestão de Direitos, Claudio Farág, também esteve presente. O serviço jurídico foi contratado pelas entidades para fornecer o devido apoio judicial na tramitação de processos contra o veto do TJ-SP, que recai sobre a Emenda Constitucional nº 46/2018.

Confira, em breve, o boletim completo no site da Afresp.

Tags: