Fechar
Home Classista AFR Luiz Claudio Rodrigues de Carvalho agora é Secretário de Estado da Fazenda

AFR Luiz Claudio Rodrigues de Carvalho agora é Secretário de Estado da Fazenda

24 de maio de 2018 Classista

No dia 23/05, o Governador do Estado, Márcio França, empossou o AFR Luiz Claudio Rodrigues de Carvalho no cargo de Secretário de Estado da Fazenda. A cerimônia aconteceu no auditório Ulysses Guimarães, no Palácio dos Bandeirantes.

Esta é a primeira vez que um AFR atinge o topo da Fazenda Paulista e Luiz Claudio falou, emocionado, sobre os próximos passos enquanto secretário. “Agora a responsabilidade é maior diante dos 6 mil servidores da Sefaz. Meu dever é trabalhar com justiça, prosperidade e equilíbrio diariamente, contribuindo para o desenvolvimento do estado e do país”.

 

O deputado estadual Orlando Bolçone (PSB) reforçou a importância e o marco de um servidor de carreira alcançar o cargo de secretário da Fazenda. “Parabenizo o governador Márcio França pela escolha e acredito que Luiz Claudio fará um trabalho exemplar, já que é uma pessoa altamente qualificada e compromissada com o serviço público estadual”.

Cumprindo o 8º mandato como deputado estadual na Assembleia Legislativa de São Paulo, Vitor Sapienza (PPS), que já exerceu o cargo de agente fiscal de rendas do Estado, reafirmou a relevância de um profissional de carreira, com pleno conhecimento, obter espaço para administração da Secretaria da Fazenda. “Tenho certeza de que ele (Luiz Claudio) tem condições de recuperar o que foi perdido ao longo desses anos”.

Márcio França, que se declarou favorável à aprovação da PEC 5/2016 durante o evento, deu um forte discurso sobre a necessidade de resgatar a autoestima do servidor público estadual e disse que, na condição de governador, defenderá o serviço público de forma intransigente. “A presença de um servidor na Secretaria tem o objetivo de criar uma aproximação com a classe e mostrar que o estado está em desenvolvimento. Não podemos parar”, afirmou.

Luiz Claudio ingressou no concurso para Agente Fiscal de Rendas de São Paulo em 2002, tendo, antes, atuado como auditor fiscal no Mato Grosso do Sul desde 2000. Foi diretor adjunto da DEAT de 2015 a 2016, coordenador adjunto da CAT de 2016 a 2017, assumindo em janeiro do mesmo ano o cargo de coordenador da administração tributária do Estado. Além disso, foi conselheiro do Sinafresp, entre 2006 e 2008.

Participaram do evento a Diretoria da Afresp e do Sinafresp, deputados estaduais, funcionários de carreira e familiares.

Tags: