Fechar
Home Classista 70 anos Afresp: uma história de determinação e conquistas

70 anos Afresp: uma história de determinação e conquistas

2 de março de 2018 Classista

Foi na sala 404 do prédio nº 23 no Largo da Misericórdia que, há 70 anos, foi fundada uma das maiores associações de classe do Brasil. A ata inaugural conta com a assinatura de 181 fiscais, e seu propósito já traduzia o desejo dos colegas: o “de difusão da jurisprudência fiscal, melhor intercâmbio cultural e social, na prática de um sadio e leal espírito de coleguismo que deve existir na classe, sejam quais forem as épocas ou condições em que ela se encontre”.

Esse ideal de união não ficou apenas no papel. Logo nos primeiros anos da Associação, os AFRs já se mobilizaram para dar apoio a colegas adoentados e arrecadaram recursos para comprar medicamentos. Com o tempo, os associados criaram um departamento específico para atender a este tipo de demanda, o Segurança Saúde e Funeral, que se tornou, anos mais tarde, a Amafresp.

Em 1955, os colegas passaram a ter acesso ao seguro de vida em grupo com seguradoras parceiras, que posteriormente começaram a oferecer o mesmo serviço para automóveis e residências – o embrião do InvestAfresp.

A entidade crescia velozmente: dos 181 associados que assinaram a ata de fundação, a Afresp já tinha 1397 em 1960. Esses números justificavam novo posicionamento da entidade, como a criação de sedes Regionais pelo estado – a primeira foi em Santos -, a organização do 1º Campeonato Estadual de Futebol da Afresp, em 1974, e a inauguração da sede atual, em 1997, na avenida Brigadeiro Luiz Antonio, em São Paulo.

A Afresp não parou por aí. Desde 1998, a Amafresp realiza a Campanha Saúde, que proporciona vários exames para fazer uma avaliação geral da saúde do associado e seus familiares. Ainda pensando no bem-estar dos AFRs, os Encontros da Família Afresp passaram a fazer parte do calendário da Associação a partir dos anos 2010: hotéis de grande porte são reservados para os colegas e familiares passarem um fim de semana de lazer.

O cuidado da Afresp com o associado não se restringe à assistência médica, seguros de bens e de vida, e serviços para seu bem-estar e de sua família. A Associação também acompanha as discussões e votações de projetos de lei estaduais e nacionais no que diz respeito aos direitos do servidor público, como a Reforma da Previdência e a defesa do teto único do funcionalismo estadual paulista.

Uma outra importante ação está relacionada à responsabilidade social: a grande desigualdade social do país já preocupava os colegas desde a fundação da Afresp, mas foi a partir de 1995 que, com o surgimento do Fundafresp, a Associação começou a ser proativa. A doação voluntária de associados criou um Fundo que, nesses 23 anos, já beneficiou mais de 1400 instituições, que receberam cerca de R$ 16 milhões em repasses.

Em outra esfera de atividade, a Afresp, em parceria com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), passou a ter uma postura mais abrangente e idealizou o Movimento VIVA em 2017, que defende uma reforma tributária do consumo ampla e com qualidade. Por meio de debates, reuniões e seminários, o VIVA traz uma reflexão de como seria um modelo ideal de reforma tributária, que traga mais recursos para o Estado, não atrapalhe a economia, iniba a sonegação fiscal e feche as portas para a corrupção.

Se não fosse pela coragem daqueles 181 AFRs que assinaram a ata de fundação da Afresp, naquela sala do Largo da Misericórdia, há 70 anos, e pela determinação dos associados que ajudaram na construção desta história, a Associação não seria o que ela é hoje. Com seu legado admirável, a Afresp procura olhar para o futuro, sem jamais se esquecer de seu passado.